sábado, 1 de setembro de 2012

História Bizarra: Eyeless Jack (Revisada)

Olá, meu nome é Mitch. Estou aqui para relatar a vocês sobre uma experiência que tive. Não sei se isso foi paranormal ou qualquer outro nome que as pessoas usam para descrever fenômenos sobrenaturais, mas depois que aquela coisa me visitou, eu acredito em qualquer lixo paranormal.

Uma semana depois que fui morar com meu irmão, Edwin, assim que minha casa foi vendida, eu terminei de desempacotar meus pertences. Edwin gostou da ideia de eu ir morar com ele, afinal, passei 10 anos sem vê-lo, então também estava animado. Eu logo terminei de arrumar meu quarto e adormeci em minha cama.
Tudo corria normalmente, porém, uma semana após a minha mudança, ouvi alguns barulhos vindos da minha janela. Logo pensei que era apenas um guaxinim qualquer, então ignorei e voltei ao meu sono. Na manhã seguinte, conversei com Edwin sobre isso, e ele disse que era normal.

Na noite seguinte eu ouvi o barulho de minha janela abrindo e um estrondo. Parecia que alguém havia entrado no meu quarto e se esborrachado no chão. Pulei para fora da cama e olhei em volta, mas não vi nada. Simplesmente voltei a dormir, afinal, deve ter sido apenas minha imaginação. Assim que acordei, fui para a cozinha e quando meu irmão me viu, arregalou os olhos, largou a xícara de café e foi correndo no banheiro pegar um espelho. Quando eu vi meu reflexo naquele objeto, fiquei totalmente espantado : havia um corte enorme em minha bochecha esquerda.

Edwin me levou para o hospital, e meu médico disse que devo ter sido vítima de sonambulismo, porém, ele mostrou algo que fez meu sangue esfriar. Ele levantou minha camisa para revelar-se uma incisão costurada onde meus rins estavam. Comecei a ofegar e meus olhos estavam arregalados de pavor. “ Você de alguma forma perdeu seu rim esquerdo na noite passada. Nós não sabemos como. Desculpe-me, Mitch. “ o médico disse.

A noite seguinte foi o meu ponto de ruptura. Cerca de meia-noite, eu acordei e me deparei com uma visão verdadeiramente horrível. Eu estava olhando cara a cara com uma criatura bizarra. Usava um capuz preto e uma máscara azul escuro, sem nariz ou boca olhando para mim. A coisa que mais me assustou foi que no lugar dos olhos, haviam apenas duas órbitas negras e vazias. A criatura também tinha alguma substância negra escorrendo de seus “ olhos “. Peguei uma câmera que estava nas proximidades de minha cama e tirei uma foto. Após tomar a imagem, a coisa pulou em cima de mim e tentou abrir meu peito com uma garra, com a finalidade de chegar aos meus pulmões. Eu me defendi chutando-o no rosto. Corri para fora do meu quarto desesperado, aquela criatura ia arrancar todos os meus órgãos. Disso eu tinha certeza.
Fui para fora da casa do meu irmão, indo em direção à escuridão. Finalmente acabei numa floresta perto da casa de Edwin. Tropecei em algo e cai inconsciente no chão.

Acordei no hospital, ainda espantado com a situação. O médico que havia me tratado antes entrou no quarto com alguns papéis em mãos. “ Eu tenho duas notícias para você, Mitch. Uma é boa e a outra é péssima. “ ele dirigiu seus olhos para mim. “ A boa notícia é que você teve ferimentos leves, e seus pais estão vindo para buscá-lo. “ Suspirei de alívio ao ouvir. “ A má notícia é que seu irmão foi morto. A causa da morte é desconhecida … Sinto muito. “

Meus pais me levaram de volta para a casa de Edwin para recolher os meus pertences restantes. Ao entrar no meu quarto, tive uma imensa sensação de medo, mas tentei manter a calma. Recolhi uma caixa e minha câmera que estava joagada no chão ao lado da cama e saí do cômodo. No corredor que leva para o aposento, vi o corpo de meu irmão estendido no piso e algo pequeno ao lado do mesmo. Peguei aquela coisa sem nem mesmo saber o que era e sai da casa, entrando no carro do meu pai. Preferi não mencionar sobre o corpo de Edwin, então suspirei e levei minha atenção até aquela coisa que eu tinha pego. Quase vomitei ao ver aquilo. O que eu estava segurando era o meu rim roubado, que estava mordido e com alguma substância negra sobre ele.




 

13 comentários:

  1. eu fiquei com mais medo da primeira imagem do que da historia Ò.Ó imaginei aquilo me olhando enquanto dormia

    ResponderExcluir
  2. acabei de arrumar o texto,caso quiserem que eu revise mais algum texto me digam ^^

    ResponderExcluir
  3. E entao todos ficaram feliz kkkkkkk



    ResponderExcluir
  4. E mentira so tava querendo te trollar kkkk

    ResponderExcluir
  5. To mais apavorado do que nunca aqui...O.O'...

    ResponderExcluir
  6. Vei meus pesames pelo seu irmao se essa criatura chegar perto de min eu infio uma foca bem no buraco dos olhos dele!>:( vou vingar a morte de seu irmao cara!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se fosse soenfiaria uma faca msm porque enfiar uma foca na hora fica meio foda
      a

      Excluir
  7. outra creepypasta com milhares de fangirls >:D

    ResponderExcluir
  8. Antigamente eu me cagava toda com o Eyeless, mas hoje em dia nem medo dele ou da foto tenho. É incrível como pequenas coisas te fazem perder o medo (ler até o fim e encarar a foto até se acostumar com a imagem).

    ResponderExcluir